O que te Move

Oi Pessoas!


Como vocês estão?


Eu estou seguindo meu caminho de conversão, e a cada dia me deparo com desafios que são basicamente ESCOLHAS...

Tenho que escolher agir assim ou "assado".

Ir ou ficar.

Entre outras tantas...

E conforme as escolhas são feitas o caminho vai tomando forma, e se abrindo diante de nossos olhos.

Porém quando paro para analisar qual o motivo que me impulsiona a realizar as escolhas que tomo, percebo que são necessariamente com base em medos.

As vozes que nos acompanham desde sempre enchendo nossas cabeças de "caraminholas" guiam nossa decisões, e quando nos perguntamos "Como cheguei até aqui?", percebemos que fomos por caminhos mais "Tranquilos", porém não estamos satisfeitos, muito menos realizados.

Os medos tem um grande poder sobre nós, e infelizmente estão enraizados em nossa mente profundamente, e foram colocados lá por pessoas que nos amam muito:

- Sempre que alguém é bom demais, desconfie!

- Não fale com estranhos!

- Quando não obedece os pais o Papai do Céu fica triste!

Mas essas pessoas também foram criadas assim e perpetuam este ciclo, então quando nos damos conta de que estamos em um círculo vicioso de escolhas motivadas pelo medo, temos que quebrá-lo, contudo não é Fácil!

Isso mesmo não é fácil... é necessário, precisamos nos libertar dos medos e no permitir romper os limites trilhar novos caminhos. Claro sempre com sabedoria e moderação!

E aí te pergunto O que te Move?


O que te move!
(Imagem do Google)


Só um texto para refletir, sem pretensão de ser mais ou menos, só existir!

Até o Próximo Post! 









© De tudo Fica um Pouco - 2015. Todos os direitos reservados.
Layout por: MPC Criação.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo